Certificado de vacinação contra covid-19: como emitir através do Conecte SUS – Atualizado

Certificado de vacinação contra covid-19: como emitir através do Conecte SUS – Atualizado

Para os viajantes imunizados contra a covid-19, o certificado de vacinação se tornou um assunto frequente. Mas, mais do que ter em mãos o cartão de vacinação com os dados preenchidos, a proposta de um documento oficial e padronizado está se tornando mais comum a cada dia para simplificar a circulação de pessoas.

Aqui no Brasil, já é possível fazer a emissão do certificado de vacinação contra o coronavírus através do site ou aplicativo no Conecte SUS. A plataforma – disponível online, e para aparelhos IOS e Android – não só traz os dados individuais dos cidadãos, como também as informações sobre a dose, lote, marca do imunizante e data da vacinação.

Apesar do Conecte SUS ter diversas funcionalidades, a que mais interessa aos brasileiros que querem viajar é a possibilidade de emissão o certificado de vacinação. Uma das opções, inclusive, é o documento em outros idiomas além do português.
Sobretudo nos países que permitem a entrada de brasileiros vacinados com imunizantes de marcas selecionadas, a comprovação da vacinação na língua do país de destino ou em inglês é um requisito.

Atualmente, o certificado de vacinação emitido pelo Conecte SUS já está sendo aceito em alguns países que estão recebendo brasileiros. Sendo assim, é preciso verificar antes da viagem se o país está adotando um padrão de certificação ou se qualquer certificado oficial emitido em inglês será aceito. Se este segundo caso estiver válido, o Conecte SUS pode ser uma solução!

Além disso, a oportunidade de emitir o certificado em outros idiomas gera expectativas sobre um modelo de documento a ser aceito de forma generalizada em viagens internacionais.

Como funciona o Conecte SUS

Aplicativo Conecte SUS
A plataforma Conecte SUS funciona como um sistema para registrar e armazenar informações sobre atendimentos médicos, exames, medicamentos e outros dados referentes ao acompanhamento de saúde dos cidadãos através do Sistema Único de Saúde (SUS). Porém, os Ministérios do Turismo e da Saúde aproveitaram a plataforma já existente para integrar também uma carteira de vacinação digital com os dados sobre a imunização contra a covid-19. 
De acordo com o UNA SUS, site do governo federal, os brasileiros que já receberam as vacinas – sejam de dose única ou duas doses, de qualquer marca – terão as informações registradas no site e no aplicativo. Com isso, os cidadãos podem facilmente utilizar os dados fornecidos como comprovação da imunização.

Desde a primeira dose da vacina, o sistema do Conecte SUS já apresenta a informação da pessoa e do imunizante recebido por ela em português. Mas, para quem já tomou as duas doses, o certificado tem a possibilidade de emissão nos idiomas espanhol e inglês.

O sistema do Conecte SUS oferece ainda a possibilidade de transformar o registro em um arquivo em formato pdf, que pode ser impresso pelo cidadão. 

Como emitir o certificado

1 – Cadastro e login

Para emitir o certificado de vacinação disponível no Conecte SUS, basta acessar o site ou baixar o aplicativo de mesmo nome no celular através da Apple Store (IOS) ou do Play Store (Android). Em seguida, entre na plataforma através do sistema online do governo federal.

Caso você já tenha se cadastrado, é só colocar o login, através do seu e-mail ou CPF, e a senha registrada. Se você nunca tiver acessado o sistema, basta fazer um cadastro rápido no gov.br com seus principais dados. Depois disso, você já pode usar o app. 

Acesso ao Conecte SUS
1 – O primeiro passo é ter o acesso ao sistema do Governo Federal. Depois disso, você poderá acessar o aplicativo ou o site do Conecte SUS através de login e senha.

2 – Acesse a aba de vacinas

Ao acessar o Conecte SUS com seu login e senha, a página principal apresentará as diversas funcionalidades do dispositivo. Para emitir o certificado é só acessar o ícone “Vacinas”. 

Conecte SUS aplicativo
2 – Esta é a página principal do Conecte SUS. Será a visão que você vai ter assim que fizer o login. Clique no ícone “Vacinas” para seguir as etapas de emissão de certificado.

3 – Selecione a vacina contra a covid-19

Além da vacina para covid-19, outras campanhas de imunização feitas pelo SUS podem aparecer nesse espaço. No caso dos imunizantes contra o coronavírus, as informações podem variar para aparecerem no aplicativo. Em casos que o registro é feito digitalmente no local de aplicação da vacina, é provável que os dados apareçam automaticamente no Conecte SUS ou, pelo menos, no prazo de até 1 hora. Entretanto, para lugares que fazem o registro de forma manual, anotando os seus dados e a dose tomada em papel, pode ser que leve alguns dias até que a vacinação entre no aplicativo – o governo brasileiro estima uma espera de até 10 dias para atualizar as informações.

Mas, para emitir o certificado específico de imunização em questão, selecione a vacina recebida contra o coronavírus e, em seguida, clique no botão azul abaixo “Carteira de Vacinação Digita”. 

Vacinas contra covid-19
3 – As doses da vacina aparecerão dentro do ícone “Vacinas”. Basta clicar na caixa que corresponde as doses do imunizante contra a covid-19 e solicitar em seguida a Carteira de Vacinação Digital.

4 – Emissões em português, inglês e espanhol

Após clicar para solicitar a Carteira de Vacinação Digital, a emissão do documento é feita de forma automática, em português, apresentando um modelo para o cidadão com suas informações.

Emissão em português
4 – Este é o modelo de certificado emitido automaticamente no Conecte SUS. Para baixá-lo, é só clica no ícone superior direito da tela.

Solicitando o download no ícone branco do lado superior direito da tela, o sistema irá gerar um documento em formato pdf, de responsabilidade do Ministério da Saúde, formalizando arquivo com o recebimento dos imunizantes pelo cidadão.

Como explicado anteriormente, para quem tomou apenas uma dose da vacina, o documento possui apenas emissão no idioma português. Porém, para os brasileiros que estão com a imunização completa, as opções de emitir o pdf em inglês ou espanhol também existem e aparecem de forma automática para a troca de idioma.

Certificado de vacina em outros idiomas
5 – Para solicitar o certificado em outros idiomas, basta selecionar a troca no ícone acima do certificado.

Da mesma forma que o certificado em português é gerado automaticamente, ao pedir a troca de idioma, um novo certificado aparecerá na tela. A possibilidade de fazer o download dos arquivos em inglês ou espanhol funcionam da mesma maneira: clicando no ícone superior direito da tela.

Certificado de vacina em português
6 – Esse é o modelo em pdf do certificado de vacinação em português, emitido automaticamente.
Certificado de vacina em inglês
7 – Assim como em português, caso você tenha recebido as duas doses e peca por um certificado em outro idioma, ele também será emitido de forma automática.

Preciso de certificado de vacina para viajar?

Nacionalmente, o certificado de vacinação – como o do Conecte SUS – facilita a flexibilização para atividades turísticas e circulação de pessoas. Por isso, ter o aplicativo ou o documento em mãos pode facilitar a viagem em algumas circunstâncias e localidades que exijam comprovação de imunização ou de teste negativo para a covid-19.

Internacionalmente, vários tipos e modelos desses documentos para as viagens estão sendo adotados nos países. Normalmente, cada um vem definindo qual ferramenta, plataforma e tipos de certificado adotar, a depender de quais critérios estão sendo adotados na flexibilização. Até o momento, a Organização Mundial da Saúde (OMS) não discutiu a exigência mundial de comprovação da vacina para o trânsito de pessoas.

No caso dos certificados emitidos pelo Conecte SUS, há países que estão recebendo brasileiros que podem aceitar o documento nacional como comprovante de vacinação, sobretudo com a emissão em inglês. Por isso, antes de viajar, confira se há regras e quais são elas para o desembarque no país de destino e confirme se o comprovante de vacina do Ministério da Saúde pode ser uma alternativa válida.

Expectativas

Quem está adiantada nesse quesito é a União Europeia (UE), que lançou em julho o passaporte de vacinação para os cidadãos do bloco. O documento é um certificado digital, emitido pelas nações pertencentes à UE, que liberou de forma mais flexível a circulação interna de pessoas entre os países. Entretanto, essa alternativa ainda não tem previsão de utilização por estrangeiros.
E você, acha que os certificados de vacinação vão ajudar nas viagens e se tornarão uma medida internacional em breve?

Por ora, a gente vai esperando a vacinação em massa acontecer e vamos te informando conforme as flexibilizações acontecerem para voltarmos a viajar cada vez mais. 

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celularaluga um carro, garante os tickets para passeios e compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará ajudando que todo conteúdo desse blog continua sendo gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!
Aproveite e se inscreva em nosso canal do Youtube e no Instagram para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas.

Escrito por Milena Lopes

Deixe um comentário