TudoAzul: até 180% de bônus na compra de milhas

TudoAzul: até 180% de bônus na compra de milhas

O TudoAzul, programa de fidelidade da Azul, está com uma promoção incrível para quem quer comprar milhas.

Cliente TudoAzul que realizarem compram de milhas recebem 150% de bônus. Para quem é cliente Clube TudoAzul ou das categorias Diamante, Safira e Topázio o bônus é de 180%.

MAS ATENÇÃO!

A campanha de compra de pontos vai somente até às 21h desta quarta-feira (24/11).

Para comprar milhas, clique AQUI.

Pontuação da caompanha

COMO PARTICIPAR

Para participar, o cliente deve entrar em sua conta Tudo Azul pelo site ou app, fazer login e efetuar a compra de pontos.

Os pontos bônus serão creditados na conta em até 24 horas após a confirmação do pagamento.

REGRAS

  • Validade das milhas compradas: 24 meses
  • Validade das milhas bônus: 24 meses
  • Limite máximo de 150.000 milhas dentro de um período de 12 meses
  • Limite mínimo de 1.000 milhas
  • Crédito das milhas em até 24 horas após a confirmação do pagamento

Outra regra importante: está promoção não é cumulativa com outras vigentes no momento.

CUSTO DO MILHEIRO SMILES

O preço normal do milheiro (1.000 milhas) no Tudo Azul é de R$ 70, um valor bem acima do considerado atrativo. Nesta promoção, no entanto, você adquire 2.500 milhas pelos mesmos R$ 70 – 1.000 milhas compradas + 1.500 de bônus (150%). Com isso o preço do milheiro cai para R$ 28, muito mais atrativo.

Para quem é cliente TudoAzul ou das categorias Diamante, Safira e Topázio são 2.800 milhas (180% de bônus). Neste caso o milheiro cai para R$ 25.

Simulação da compra de 1.000 pontos

CONSIDERAÇÕES

Essa é uma ótima promoção para você que deseja dar uma impulsionada no seu saldo. O custo-benefício com o bônus torna muito mais atrativa a compra de bônus em relação a outros períodos.

Outro detalhe importante é a validade de 24 meses, o dobro do oferecido por algumas concorrentes da Azul, o que dá um prazo maior para planejar a viagem.

Para mais dicas e promoções do TudoAzul aqui no EPM clique AQUI.

Escrito por Igor Regis

Deixe um comentário