O que devo saber antes de viajar de avião

O que devo saber antes de viajar de avião

Se preparando para voar pela primeira vez? Então saiba que uma experiência maravilhosa te espera, pois essa é uma das formas mais incríveis de chegar a novos lugares. Mas, para te guiar nessa aventura, listamos algumas coisas que você deve saber antes de viajar de avião.

Neste post, vamos te explicar procedimentos e etapas básicas sobre como é utilizar este meio de transporte. Assim, você não terá surpresas e evitará problemas nas reservas, embarques, conexões e desembarque, por exemplo.

Vamos às dicas para você se preparar antes de viajar de avião!

Entender tarifas e preços de passagens

Se você ainda não tem a passagem comprada ou se quer entender como conseguir os melhores bilhetes, vamos começar pela busca por eles.

Antes de fazer a compra, pesquise quanto custa a passagem para o destino do seu interesse, normalmente. Entendendo o valor o médio da passagem, você consegue comparar, avaliar o custo-benefício e criar estratégias para pagar menos.

Uma dessas estratégias, por exemplo, é utilizar milhas. Você pode entender como usar elas para economizar em voos aqui!

Depois de conhecer a média de valores, é hora de saber quais as tarifas oferecidas pelas companhias áreas que realizam a viagem.

As tarifas são os tipos de passagens oferecidas pela empresa nos seus voos. O que diferencia elas são, basicamente, as comodidades oferecidas aos passageiros e as classes de cabine (econômica, executiva ou primeira classe).

Dentre as comodidades estão, por exemplo: a possibilidade de remarcar ou cancelar a passagem com ou sem custo; bagagens inclusas para despache ou não; possibilidade de marcar assentos ou antecipar voo, entre outros.

Em resumo, quanto melhor a categoria de cabine e quanto mais comodidades oferecem, maiores serão os valores. Por isso, invista na tarifa que vai atender às suas necessidades naquela viagem.

Quais são as regras de bagagem da companhia aérea

O que saber antes de viajar de avião sobre malas

Existem dois tipos de regras para malas nas viagens de avião: as que são praticamente universais e as que são específicas de cada companhia aérea.

Sobre os itens que podem ser transportados, as regulamentações entre empresas e países são muito semelhantes. Assim, grande parte das itens proibidos de serem levado na mala no Brasil, também não podem ser transportadas em boa parte do mundo.

Confira aqui itens que a Anac permite transportar em voos!

Já as regras das companhias vão, geralmente, envolver dimensões das bagagens e seus pesos. Nisso estão inclusos tanto as malas de mão quanto para despachar. Mas os itens que podem ou não ser transportados também varia entre as empresas.

Confira detalhes sobre malas de mão para levar em voos aqui!

Por isso, sempre consulte a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) ou a companhia aérea e confira os detalhes para sua bagagem, sobretudo se tiver dúvidas sobre o transporte de algum objeto específico.

Cuidado com as malas de despache

Um risco que todo viajante está propenso a ter quando despacha malas é o extravio. Mas não se preocupe! Isso não vai acontecer sempre e, ainda que aconteça, tem solução.

Tanto a companhia aérea quanto o seguro de viagem te ajudarão a recuperar a bagagem ou te ressarcir, caso aconteça algo.

Mas você também precisa estar atento sobre seus pertences, principalmente em conexões. Existem alguns aeroportos, rotas e empresas que fazem a transferência de malas de uma aeronave para outra. No entanto, há situações e locais em que você precisará pegar a sua bagagem na esteira e despachá-la novamente para o voo seguinte.

Sempre pergunte no balcão da companhia antes de começar a viagem sobre quais os procedimentos de bagagem despachada para o destino de conexão e destino final.

Entender o que são escalas e conexões

Conexões e escalas - antes de viajar de avião

Possivelmente você já se perguntou se a parada entre o local de saída e chegada é uma escala ou uma conexão. E a diferença é muito simples!

Em uma escala você não precisa descer do avião. A parada será apenas para alguns passageiros descerem e outros embarcarem, mas a aeronave para o destino final será a mesma. Assim, você seguirá no seu assento até o fim da viagem.

uma conexão exige que você desembarque de um voo e embarque em outro. Ou seja, você vai utilizar mais de uma aeronave para chegar ao destino final. Por isso, vai precisar descer com seus pertencentes, aguardar na sala de embarque e apresentar sua passagem em um outro avião para completar o percurso.

Por esta razão, é importante saber se a transferência da mala despachada de um voo para outro (como falamos no tópico anterior) será feito pela companhia ou por você no caso de uma conexão.

Quais as regras de embarque e desembarque

Antes de viajar, é imprescindível saber os detalhes para o embarque e desembarque, principalmente se for realizar voos internacionais.

Para começar, você só poderá embarcar se realizar o check-in, que é comprovação de que você tem uma reserva e irá embarcar no voo. Esse procedimento pode ser feito pelo site da companhia aérea, pelo aplicativo ou no próprio aeroporto. Só após realizar este processo, que costuma ser bem rápido e prático, apenas confirmando seus dados, é que a sua passagem é emitida.

Nos formatos virtuais, o ckeck-in costuma estar disponível no dia anterior a viagem. Mas cuidado com o prazo limite de realizá-lo, pois você não deve deixar para confirmar sua passagem de última hora. O check-in é encerrado pela companhia aérea, no mínimo, uma hora antes da viagem.

Isso porque, além da emissão da passagem, você ainda precisa passar pela segurança do aeroporto e buscar seu portão de embarque. Então, a empresa não vai permitir passageiros fazendo registros faltando apenas alguns minutos para a decolagem, pois isso atrasaria a viagem. Então, fique atento.

Documentações para embarque e desembarque

Para voos nacionais, além de ter a passagem em mãos, você também precisa de um documento de identificação com foto. No Brasil, é possível viajar com sua Carteira de Identidade, Carteira de Habilitação ou passaporte, por exemplo.

Para voos internacionais, o processo é mais detalhado. A viagem entre países pode exigir mais do que passagem e documento de identificação. Entre países integrantes do Mercosul, você vai poderá usar tanto sua Carteira de Identidade quanto seu passaporte. Mas, para outros países do mundo, o passaporte é obrigatório.

Passo a passo de como tirar o passaporte!

Além disso, é preciso consultar sempre se o país de destino exige que você tenha um visto. Ele é um documento de autorização de entrada no território que é registrado no seu passaporte por um consulado ou embaixada antes de você realizar a viagem.

Outras comprovações que você deve ter consigo em uma viagem internacional são:

  • prova de que possui recursos para a viagem (como demonstrativos do limite do cartão que você levou para a viagem; notas de compras recentes da moeda local em casa de câmbio; contracheque de pagamentos do seu emprego no Brasil);
  • reserva de hospedagem;
  • passagem de volta;
  • seguro de viagem;
  • e, atualmente, documentos relacionados às medidas temporárias de contenção da Covid-19 (certificado de vacinação completo, atestado de recuperação ou teste negativo).

Além de ter que apresentar alguns destes itens no embarque, eles podem ser exigidos também quando você for passar pela imigração.

Raio-x, segurança e imigração

Não precisa ter receio das vistorias de raio-x e segurança no embarque. Tendo seus documentos e bagagens com apenas itens permitidos, você não terá problemas. Apenas tenha cuidado com itens de metal, como cintos, fivelas, relógios e objetos nos bolsos na hora de passar pelo detector.

Em voos nacionais, esse processo acontece apenas no embarque. Mas em voos internacionais, você passará por algo semelhante também no desembarque. Junto com uma nova inspeção, você fará a apresentação de seus documentos no guichê de imigração.

Nele, uma autoridade da segurança fronteiriça irá checar seus documentos e se você está apto para entrar no país. Mais uma vez, é só manter a calma, provar que você esta viajando legalmente e não terá problemas.

Respeite as regras durante o voo

Regras de voos - antes de viajar de avião

Não menos importante, se você nunca viajou de avião, saiba que os comissários passarão uma série de informações de segurança antes da decolagem. É muito importante que você respeite as regras do voo e siga as instruções orientadas pela tripulação.

Elas são fundamentais para a segurança dos passageiros e da viagem e, por isso, devem ser estritamente respeitadas.

Considerações

Agora, antes de viajar de avião, você já sabe tudo que precisa para começar a aventura! Afinal, quanto mais informações e conhecimentos você tem sobre a viagem, menor a chance de perrengue.

Voar é uma experiência maravilhosa, muito segura e faz parte das memórias que acumulamos conhecendo novos lugares.

Se quiser mais dicas para se preparar para sua viagem, não deixe de conferir mais posts aqui!

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celularaluga um carro, garante os tickets para passeios ou compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveita e se inscreve no  canal do Youtube e no Instagram para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas!

Escrito por Milena Lopes

Deixe um comentário