EUA deixam de exigir testes de Covid-19 para turistas

EUA deixam de exigir testes de Covid-19 para turistas

Após mais de um ano com a obrigatoriedade de exames de contaminação para visitantes, as regras de entrada em território estadunidense serão flexibilizadas. A partir de domingo (12), os EUA deixam de exigir testes de Covid-19 para turistas.

Uma fonte do governo americano declarou nesta sexta-feira (10) que o Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) está tomando a decisão, que deve ser anunciada oficialmente ainda neste fim de semana.

Com isso, estrangeiros e cidadãos viajam ao país por vias aéreas não precisarão de um teste com resultado negativo antes do embarque.

A suspensão da regra estaria sendo tomada com base na ciência e em estudo de dados por parte do CDC.

Testes de Covid-19 podem retornar

A autoridade informante da notícia sobre a flexibilização deixou claro que a decisão do CDC não será fixa. A implementação do fim dos testes de Covid-19 para entrada nos Estados Unidos durará 90 dias.

Após este período, as autoridades irão reavaliar a necessidade de retomar com a medida ou não, a depender do número de casos de novas variantes no país.

O fim da obrigatoriedade dos testes está sendo exigido por diversas autoridades estadunidenses e internacionais. Por ser um país com alta movimentação de viajantes do mundo inteiro, a regra de contenção da doença vem atrapalhando um maior fluxo de passageiros e a indústria do turismo.

De acordo com a fonte, o CDC continuará recomendando os testes com resultados negativos, mesmo durante os 90 dias sem obrigatoriedade. De acordo com a imprensa estadunidense, o governo deve acordar com as companhias aéreas do país formas de diminuir a rigidez das regras de entrada gradualmente.

Atuais regras de entrada nos Estados Unidos

Além de passaporte com visto válido, brasileiros com destino aos Estados Unidos devem possui certificado com esquema de vacinação completo. O documento deve ter sido emitido por uma agência de saúde pública, agência governamental ou outro fornecedor de vacina autorizado.

Crianças entre dois e 17 anos não são obrigadas a apresentar certificado de vacina contra o coronavírus. No entanto, até o momento, precisam realizar um teste entre três e cinco dias após o desembarque nos Estados Unidos.

Por enquanto, em viagens realizadas até sábado (11), com desembarque nos até às 23h59, o teste negativo Covid-19 feito até um dia antes da viagem ainda é obrigatório para todos os viajantes.

Uma possibilidade que substitui o teste é a apresentação de um documentação de recuperação da Covid-19. O passageiro deve ter tido a doença há, no máximo, 90 dias anteriores ao embarque.

Confira todas as atuais regras de entrada nos EUA no site do consulado!

Considerações

Ficou empolgado com a novidade de poder viajar aos Estados Unidos sem a exigência do teste de Covid-19?

Se tiver planos de ir a esse destino, lembre-se que pode contar com a ajuda da equipe da Polaris Viagens para conseguir passagens com as melhores tarifas!

Preencha o formulário para orçamento de passagens aqui ou, se quiser, entre em contato com a equipe através do WhatsApp aqui! Só pedimos que você faça as cotações com o time se realmente tiver interesse em realizar a viagem, ok?

Para conferir outras novidades sobre viagens, confira nossos posts aqui!

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celularaluga um carro, garante os tickets para passeios ou compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveita e se inscreve no canal do Youtube e no Instagram do Estevam para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas!

Escrito por Milena Lopes

Deixe um comentário