O que fazer em Natal, a terra do sol e do maior cajueiro do mundo

Fala, viajante! Tudo bem com vocês? O Brasil 60 desembarcou em Natal, capital da Rio Grande do Norte, conhecida também como a terra do sol, a primeira e maior cidade do estado. Vamos juntos ver o que tem pra fazer por aqui, onde comer, onde se hospedar e muito mais.
Lembrando que o Brasil 60 é o meu novo projeto, onde eu vou visitar 60 destinos brasileiros e registrar tudo em vídeo e em posts aqui no blog para vocês acompanharem tudinho. A New Trip está comigo nesta aventura, claro!!
Aliás, aproveita e já dá uma olhada no meu vídeo de Natal (RN):

 

O que visitar

Praia da Ponta Negra

É provavelmente a praia mais badalada e conhecida de Natal. Esta é uma das regiões mais nobres e caras de Natal porque nos anos 90 muitos estrangeiros investiram em casas de veraneio na região e isso inflacionou o mercado imobiliário local. Mas, hoje os preços já estão bem mais em conta, apesar de ainda ser um bairro nobre da cidade.
E é nela que fica o famoso Morro do Careca. Antigamente era usado para skibunda e outras atividades, mas hoje o local está fechado para o turismo para preservação da flora.
Nesta praia tem muitas barracas e restaurantes que você pode passar o dia. Tem inclusive diversos beach club para day use. Eu fiquei no Manary Praia Hotel, mas neste caso não pudemos usar as facilidades do hotel porque não é um day use, não pagamos nada para entrar e ficamos no restaurante de frente para a praia.
Santuário Beach Club
Este lugar é muito bom para passar o dia na praia. É uma estrutura incrível de apoio para quem quer comodidade pé na areia. Tem banheiros, restaurante, chuveiros, e muitas outras coisas.
Centro de Lançamento da Barreira do Inferno
Estevam em Natal
há 15 minutos de Natal fica esta base de lançamento de foguetes e sondas da América do Sul. E isso desde 1965. Isso porque o Rio Grande do Norte está numa posição estratégica, muito próximo a linha do Equador e ao centro magnético da Terra. Em parceria com outros centros de lançamento eles iniciaram os lançamentos deste local. Há ainda um museu que conta um pouco de toda essa história.
Ah, o nome do local se deve a cor avermelhada da água por causa do reflexo das falésias. Os pesadores locais diziam que se parecia com o inferno. O nome pegou e ficou.

Cajueiro do Pirangi

Este é o maior cajueiro do mundo. Ele tem um perímetro de 500 metros e continua crescendo. Tanto que é preciso fazer uma pode nele para que ele não invada as ruas no entorno.
Este cajueiro tem mais de cem anos e tem uma anomalia genética, por isso ele cresce sem parar. É muito lindo o lugar e no meio dos troncos e raízes do cajueiro montaram umas plataformas onde conseguimos andar para apreciar toda sua beleza.
No local há uma feirinha que é ideal para comprar castanhas de caju. Além de ter um preço bom, a castanha é uma delícia.

Mirante dos golfinhos

Eu não dei sorte, mas dizem que deste ponto conseguimos ver vários golfinhos nadando no mar. Mas, o lugar vale o passeio. É muito lindo! E ali pertinho, na ponta da praia temos a Praia da tartaruga, lugar onde elas se reproduzem.

Passeio de buggy

Estevam em Natal
Nosso passeio de buggy foi com o pessoal do Guerreiro Buggy que nos pegou no hotel bem cedinho e no final do dia nos deixou de volta. Saindo do hotel, passamos pela orla em direção ao bairro de Petrópolis e seguimos nosso passeio que durou o dia inteiro pela região.
O primeiro ponto foram as Dunas de Genipabu. Este local é bem famoso porque foi aqui que gravaram as cenas finais da novela Tieta. Depois fomos até a praia de Santa Rita onde tem um bar bem famoso, o Bar 21. Seguimos atravessando o rio Ceará Mirim de balsa. E chegamos nas Dunas Douradas, onde foi gravado a novela O Clone. O local também é famoso pelas manobras radicais dos bugueiros.
Na praia de Pirangi fizemos uma parada para comer camarões e tomar uns drinks. O lugar é incrível e super sossegado. Ideal para curtir a paisagem e descansar um pouco. Descansar porque depois fizemos skibunda, tirolesa e kamikaze.
Estevam em Natal
Estevam em Natal
Estevam em Natal

Onde comer

Nau Frutos do Mar Natal – o lugar é lindo e tem uma estrutura futurista muito legal, mas é super concorrido. Em 2020 foi eleito “Best of the Best” pelo TripAdvisor.
Restaurante Yuru – restaurante do hotel Golden Tulip e muito bom.
Restaurante Alo e Óleo – parada para quem faz o passeio de buggy, tem uma vista incrível e serve pratos bem tradicionais do estado e que servem uma galera.

Onde ficar

Golden Tulip Natal Ponta Negra – eu já tinha me hospedado neste hotel e me apaixonei, por isso, voltei! Além dos quartos serem ótimos ele tem uma vista belíssima para o mar. Aliás, todos os quartos têm vista para o mar.
Estevam em Natal Estevam em Natal
Estevam em Natal
 
É isso, viajante! Nossa aventura pelo Rio Grande do Norte continua no próximo post/vídeo que é Pipa. Tem muita coisa linda pra ver ainda, viajante! Segue lá o meu canal do YouTube e fique por dentro do Projeto Brasil 60!
Natal Natal Natal
Natal Natal Natal
 
Veja minha passagem por outros destinos do Nordeste com o Brasil 60. 
 
Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celularaluga um carro, garante os tickets para passeios ou compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!
Aproveita e se inscreve no  canal do Youtube e no Instagram para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas!
 

Escrito por Lucas Estevam

Deixe um comentário