Argentina flexibiliza mais regra para entrar no país

Argentina flexibiliza mais regra para entrar no país

A RECENTE FLEXIBILIZAÇÃO

Compartilhamos AQUI no EPM, a recente flexibilização do Governo Argentino quanto às exigências inicialmente estabelecidas para as viagens ao país, mediante a dispensa da realização do teste de antígeno no desembarque.

A FLEXIBILIZAÇÃO TURBINADA

Mas, como tudo que é bom pode ficar melhor, a Argentina divulgou que, a partir de 1º de novembro, as exigências para entrada de turistas brasileiros no país serão ainda mais reduzidas.

Para pessoas com a vacinação completa, será pedido apenas um exame de PCR com resultado negativo realizado até 72 horas antes do embarque. A mudança significará a eliminação da necessidade de repetir o exame entre 5 e 7 dias depois da chegada ao país.

Além disso, também será eliminada a exigência de quarentena para os viajantes menores de 18 anos que ainda não tenham sido vacinados, o que permitirá agora que famílias viajem com seus filhos menores e circulem pelo país sem restrições. Antes eles precisavam passar um período de isolamento, depois da chegada.

A VACINAÇÃO DE TURISTAS

A ministra da Saúde da Argentina, Carla Vizzotti, anunciou nesta terça-feira que seu país pretende avançar com a oferta de vacinas contra a covid-19 aos turistas que chegarem ao país.

A Argentina já ultrapassou 55% da população com imunização completa e 72% com pelo menos uma dose, e está utilizando vacinas da AstraZeneca, Convidecia, Covishield, Moderna, Pfizer, Sinopharm e Sputnik V.

Os visitantes poderão tomar suas vacinas inclusive em alguns postos de fronteira, que serão definidos pelas autoridades sanitárias.

MAIS OPÇÕES DE AÉREO

A reabertura das fronteiras da Argentina para o turismo trouxe de volta diversas opções de voos para o brasileiro que deseja visitar o país vizinho:

Aerolíneas Argentinas

São Paulo-Buenos Aires – voos diários (14 saídas semanais)

Rio de Janeiro-Buenos Aires (3 saídas semanais em novembro e 4 em dezembro)

LATAM

São Paulo-Buenos Aires (10 saídas semanais em novembro e 11 em dezembro)

São Paulo-Mendoza (3 saídas semanais)

Flybondi

São Paulo-Buenos Aires (2 saídas semanais a partir de dezembro)

Florianópolis-Buenos Aires (3 saídas semanais a partir de dezembro)

GOL

São Paulo-Buenos Aires (voos diários a partir de 19 de dezembro)

Rio de Janeiro-Buenos Aires (voos diários a partir de 19 de dezembro)

Florianópolis-Buenos Aires (2 saídas semanais a partir de 19 de dezembro)

Air Canada

Toronto-São Paulo-Buenos Aires (5 saídas semanais a partir de dezembro)

Turkish Airlines

Istambul-São Paulo-Buenos Aires (3 saídas semanais)

CONSIDERAÇÕES

O movimento vem alinhado com o que esperávamos e compartilhamos no post anterior: com a melhora do cenário epidemiológico, o Governo Argentino anuncia novas flexibilizações em sintonia com as exigências adotadas por outros países.

 Atenção: aconselhamos que, antes de viajar para a Argentina, consulte as informações e condições atualizadas para ingresso no país diante da constante alteração epidemiológica e, consequentemente, regulatória.

O que achou da novidade? Conta pra gente aqui sua dúvida ou opinião na caixinha de comentários! Fique ligado aqui no Blog EPM e não perca outras notícias como essa e aproveite para seguir o meu perfil no Instagram @quevoceviaje, onde compartilho experiências, roteiros e dicas para que você viaje!

Até o próximo post!

Juliana Molinari (@quevoceviaje)

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celularaluga um carro, garante os tickets para passeios ou compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveita e se inscreve no canal do Youtube e no Instagram do Estevam para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas!

Escrito por Juliana Molinari

Uma resposta para “Argentina flexibiliza mais regra para entrar no país”

Deixe um comentário