PRAGA: DICAS ESSENCIAIS PARA SUA VIAGEM

Praga, praça da Cidade Velha

Olá viajantes!! Hoje vou te dar algumas dicas de uma cidade que amei conhecer: Praga!

Se você já pensou em viajar para lá, mas tem dúvidas com relação a moeda, idioma, como sair do aeroporto, melhores locais para se hospedar, então vem comigo que te conto tudo!

Ao final, o planejamento da sua viagem terá sido feito da melhor forma possível!

PLANEJANDO SUA VIAGEM PARA PRAGA

Para te ajudar nessa empreitada do planejamento da sua viagem, seguem abaixo algumas dicas essenciais para que sua viagem saia do papel.

PASSAPORTE

Antes de mais nada, para uma viagem à República Tcheca, seu passaporte deverá expirar, pelo menos, 3 meses após seu retorno ao Brasil. Por exemplo, caso seu retorno ao Brasil ocorra em 20/04/2021, seu passaporte deve ter validade, no mínimo, até 20/07/2021.

Caso você ainda não tenha passaporte, você precisará fazê-lo na Polícia Federal. O processo é bem simples e é praticamente todo feito online, ficando para a parte presencial apenas a entrega dos documentos e a fotografia.

Em tempo, para a solicitação do seu passaporte, basta seguir todos os passos constantes no site da Polícia Federal (clique AQUI). Ao final, será necessário realizar o pagamento da taxa e o agendamento para entrega de documentos e fotografia.

VISTO

O Brasil está na lista de países isentos de visto para viagens aos países do Espaço Schengen, podendo o brasileiro permanecer no território dos países que compõem o acordo por até 90 dias.

Mas aí você me pergunta… o que é o Espaço Schengen?

O Espaço Schengen é um acordo firmado entre 26 países europeus, que visa estabelecer a livre circulação dos visitantes nos países participantes (sem a necessidade de passar por uma imigração toda vez que viajar entre eles).

Países que fazem parte do Espaço Schengen

O Reino Unido, a Irlanda, a Croácia, a Romênia e a Bulgária são os países europeus que não fazem parte do Espaço Schengen.

ATENÇÃO: brasileiros precisarão de uma autorização de viagem ETIAS para poder entrar na Europa, a partir do final de 2022. Seu requerimento será feito online e terá a validade de 3 anos (prazo máximo de 90 dias de estadia).

Por fim, para maiores informações sobre autorização de viagem ETIAS, basta acessar este SITE.

QUANDO IR

Sempre é uma boa época para viajar, não é mesmo? Mas, caso você tenha flexibilidade de datas e possa escolher uma melhor estação, considere viajar entre o final da primavera e o início do outono europeu (entre maio e dezembro), onde as temperaturas são mais amenas.

Em contrapartida, no inverno, as temperaturas podem chegar até -5°C! Ou seja, se você não gosta muito de frio, melhor evitar viajar no inverno.

MOEDA

A moeda aceita em Praga é a Coroa Tcheca (CZK). Infelizmente, não vemos essa moeda em casas de câmbio brasileiras. Por conta disso, o recomendado é você comprar Euros no Brasil para levar na sua viagem e, já na cidade, trocar pela moeda local.

Moeda aceita em Praga - Coroa Tcheca (CZK)
Moeda aceita em Praga – Coroa Tcheca (CZK)

Ao chegar em Praga, troque o mínimo possível no aeroporto, pois a cotação costuma ser altíssima! Sendo assim, sempre busque trocar seu dinheiro em casas de câmbio já dentro da cidade.

Uma forma interessante de trocar o dinheiro é no próprio hotel/hostel em que você ficar hospedado. Muitas acomodações possuem cotações melhores do que trocas no próprio Banco existente na cidade.

Converse sempre com o recepcionista, ele poderá te indicar um melhor lugar para a troca, sem perigo de cair em golpes que, infelizmente, são muito comuns em diversos países da Europa.

Por fim, aqui vai uma dica valiosa! A cotação na troca de moeda será melhor quando você trocar uma maior quantidade de dinheiro (trocar €100 será melhor do que trocar €50). Uma outra dica é, troque por notas baixas, por serem mais mais fáceis de serem usadas no comércio, restaurantes e atrações turísticas.

IDIOMA

O idioma oficial é o tcheco, mas, principalmente nas áreas turísticas, o inglês é amplamente falado.

SEGURO VIAGEM

Em primeiro lugar, antes de qualquer viagem, você deve sempre contratar um seguro viagem. No momento da entrada no país (imigração), esse é um dos documentos que podem ser exigidos. E a imigração na Europa pode ser bem criteriosa.

O seguro viagem é obrigatório para todos os turistas que viajam aos países que estão dentro do Espaço Schengen. Este seguro deve ser no valor mínimo de € 30.000 euros.

O objetivo dessa regra é garantir que o visitante possa pagar as possíveis despesas médicas surgidas durante a viagem, inclusive em caso de óbito.

Além disso, um seguro viagem não serve apenas para quando você tiver algum problema de saúde, ele também pode ser acionado se, por exemplo, sua bagagem for extraviada.

A principal vantagem em adquirir um seguro de viagem é poder minimizar qualquer situação desconfortável que surja ao longo da viagem. Ou seja, caso você precise de qualquer atendimento médico, não precisará gastar nada além das suas despesas já previstas na viagem.

Por fim, para facilitar sua vida, clique na imagem abaixo e faça a cotação do seu seguro viagem, com um desconto exclusivo para os leitores do EPM!

Cote seu seguro viagem com a Real Seguros
ONDE SE HOSPEDAR

Antes de mais nada, preciso te explicar como Praga é dividida. Assim fica mais fácil de escolher onde se hospedar.

Divisão de Praga
Divisão de Praga em 22 distritos

Praga é dividida em 22 distritos, cada um com uma numeração (Praga 1, Praga 2, Praga 3, e assim sucessivamente). O centro histórico está localizado nos distritos 1 e 2.

Mesmo estando longe da zona turística, você não precisa deixar de fora de suas pesquisas os distritos 3, 5, 7, 8 e 10. Cada um deles tem, pelo menos, um bairro interessante como opção de hospedagem.

Para não ter erro na hora de escolher onde ficar, agora que você já sabe como Praga é dividida, vou te falar um pouquinho mais sobre dois desses distritos!

PRAGA 1

Caso seu desejo seja ficar pertinho das atrações turísticas, essa é a melhor área para se hospedar. Por ser muito procurada pelos turistas, pode ser que você não encontre ofertas muito atrativas. Ficando aqui, você poderá fazer (quase) tudo a pé.

É nessa área que você encontrará as vielas medievais, o bairro judaico, o Castelo de Praga e a Charles Bridge.

  • Staré Město (Cidade Velha): coração da cidade. Por ter um alto fluxo de turistas, se você estiver procurando mais sossego, procure evitar esta região. Mas se o que procura é localização, é aqui que deverá ficar!

Quando visitei a cidade, fiquei hospedada no hotel Prague Inn. Ele fica pertinho de muitos restaurantes e lojas, e ao lado da estação de metro que leva direto ao aeroporto. Está a 400m da praça central, e você conseguirá fazer praticamente tudo a pé.

Hotel Prague Inn (fonte Booking.com)
  • Nové Město (Cidade Nova): mais nova e maior das regiões que formam o centro histórico. O centro da Cidade Nova é na Praça Venceslau (Václavské Náměstí). É uma longa praça linear que liga a Cidade Velha num extremo, ao Museu Nacional de Praga no outro.

O Museu Nacional é uma das atrações principais dessa área, e a Casa Dançante também fica bem pertinho. Aqui, o quesito localização continua muito bom.

Casa Dançante, em Praga
Casa Dançante, em Praga
  • Malá Strana: área que fica entre a Charles Bridge e o Castelo de Praga (do outro lado do rio Moldava). A Igreja de São Nicolau de Mira e o Palácio Wallenstein são algumas das atrações desse bairro.

É a área com a melhor relação beleza x sossego. Para evitar o sobe-desce do bairro, procure ficar nas partes mais planas.

Ponte Charles, em Praga
Ponte Charles, em Praga
PRAGA 8

Distrito localizado fora do centro histórico, mas a uma curta distância utilizando o transporte público.

Karlín: bairro que sofreu com uma grande inundação em 2002 (enchente do rio Vltava), resultando em sua revitalização completa após isso.

Ótimo bairro para quem desejar se hospedar em uma área mais tranquila, não deixando de ter boas opções de cafés e restaurantes. Para ir ao centro da cidade, basta pegar a linha amarela B em Křižíkova (de três a quatro estações até o centro histórico).

 

E aí.. gostou das dicas que te contei? Decerto que sua viagem a Praga agora sai do papel!

Continuando com as dicas dessa cidade maravilhosa, num próximo post te mostro como ir do Aeroporto de Praga até o centro da cidade.

 

Ademais, caso tenha alguma dúvida, deixe na caixinha de comentários que responderei o mais breve possível!

 

Por fim, para mais dicas de Praga, clique AQUI no EPM.

Da mesma forma, não se esqueça de ver meu outro post sobre Praga:

 

Um beijo e até o próximo post!!

CAROLINA MAGNO

 

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celularalugar um carro, garante os tickets para passeios e compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará ajudando que todo conteúdo desse blog continua sendo gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveite e se inscreva em nosso canal do Youtube e no Instagram para
ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas. 🙂

Posts Relacionados