12 destinos de inverno no Brasil

Parece que o inverno finalmente chegou em terras brasileiras! Achei que 2020 não teria inverno no Brasil!! Então, vamos aproveitar esse período para conhecer alguns destinos de inverno no Brasil e curtir o friozinho. Se for acompanhado de um bom vinho e de uma boa companhia, melhor ainda, não é mesmo?

A região mais fria do Brasil é o Sul do país. Mas você sabia que existem outras cidades em todo o país que registram temperaturas baixíssimas nesta época do ano? Vamos te apresentar algumas dessas cidades e seus principais atrativos.

Então, separe o casaco e vamos viajar pelo inverno brasileiro por essas 12 cidades frias, porém muito e charmosas.

Santo Antônio do Pinhal – SP

Distância: 172km da capital São Paulo

Santo Antônio do Pinhal é um município do estado de São Paulo, na Região Metropolitana do Vale do Paraíba, com temperatura média de 16ºC ao longo do ano e baixas que chegam a 13ºC.

O destino é ideal para curtir uma viagem romântica aos finais de semana e feriados. E ainda fica bem pertinho de Campos do Jordão, menos de 20km. Ou seja, dá pra curtir as duas cidades em uma única viagem.

A cidade é bem charmosa e tem passeios interessantes para fazer, como uma visita ao Jardim dos Pinhais Ecco Parque, com diferentes jardins temáticos que podemos percorrer com um guia do parque, que vai explicando cada um dos jardins e suas espécies. Além disso, não deixe de visitar uma das cervejarias locais, a sorveteria Eisland e a Estação Eugênio Lefévre e Mirante da Santa.

Campos do Jordão – SP

Distância: 167km da capital São Paulo

Campos do Jordão também fica na Região Metropolitana do Vale do Paraíba. A temperatura média da cidade é de 13ºC ao longo do ano e baixas podem chegar até menos de 0ºC. De todas as cidades frias do estado de São Paulo, Campos de Jordão é, sem dúvida, a mais famosa e a mais procurada.

Seja pela curta distância da capital paulista, pelo charme de sua arquitetura ou por ser famoso reduto de artistas, Campos do Jordão ganhou fama e muitos turistas. O clima da cidade também é famoso e já foi considerado um dos melhores do mundo pela sua pureza, por isso a alcunha de “Suíça Brasileira”.

A verdade é que a cidade é muito charmosa e possui os melhores restaurantes de comida alemã que eu já frequentei. Além da boa comida, Campos do Jordão também tem uma fábrica da cerveja Baden-Baden. Vale uma visita com direito a degustação. Quem curte a natureza também vai gostar da cidade, que oferece trilhas e passeios de quadriciclos pelas suas regiões montanhosas.

São Bento de Sapucaí – SP

Distância: 200km da capital São Paulo
Foto Leandro Maranghetti Lourenço (Wikipedia)

A cidade fica na região da Serra da Mantiqueira, bem na divisa com Minas Gerais, e registra temperatura média de 18ºC ao longo do ano com baixas que chegam a 14ºC. São Bento de Sapucaí é bem pequena e acolhedora, tem posadas charmosas e bons restaurantes.

Entre os principais atrativos estão a natureza da Serra da Mantiqueira, que permite aos turistas belas paisagens e aventuras. Aliás, o destino é um dos mais conhecidos destinos de montanhismo no Brasil. Especialmente por conta do complexo da Pedra do Baú, que reúne a Pedra do Baú com 340 metros de altura, e ainda Bauzinho e Ana Chata.

Monte Verde – MG

Distância: 166km da capital São Paulo
Foto Msadp06 (Wikipedia)
Foto Msadp06 (Wikipedia)

Esta é outra cidade bastante famosa entre os turistas que estão em busca de frio aqui no Brasil. Apesar de ser uma cidade mineira, fica bem mais perto de São Paulo, por estar localizada na região da Serra da Mantiqueira. Monte Verde registra temperatura média de 14ºC ao longo do ano com baixas que chegam a 3ºC e, às vezes, atinge graus negativos.

O clima frio e a arquitetura europeia são os chames desta pequena cidade, que fica isolada no meio da Serra da Mantiqueira. A natureza é generosa em Monte Verde e é um convite aos turistas para fazerem caminhadas, trilhas e passeios de quadriciclos. Pousadas charmosas e bons restaurantes não faltam.

Entre os passeios, é obrigatório visitas a fábrica de chocolate e a Pedra Redonda, que fica a mais de 1.900 metros de altitude. Dalí é possível ter uma vista de 360° da região.

Visconde de Mauá – RJ

Distância: 199km da capital Rio de Janeiro
Foto Mcalvet (Wikipedia)

Visconde de Mauá é um povoado do município de Resende, no estado do Rio de Janeiro. Sua temperatura média anual é de 17ºC, uma verdadeiro inverno polar para os cariocas. Já durante o inverno, as temperaturas podem variar entre 6ºC e -3ºC.

A região serrana fluminense tem sua vocação turística no inverno, quando os cariocas colocam seus casacos e aproveitam as férias do meio do ano para curtir o frio, comer fondue e passear pelas paisagens geladas da serra.

Apesar da região ter muitos rios e cachoeiras, não é aconselhado um mergulho nesse período do ano, mas vale uma visita e uma foto. O turismo de aventura é forte na cidade. A dica é subir na Pedra Selada, de onde é possível ter uma vista panorâmica da região.

Teresópolis – RJ

Distância: 97km da capital Rio de Janeiro
Foto Denise Ricardo (Mtur)

Teresópolis também fica na região serrana do Rio de Janeiro e sua temperatura média anual é de 18ºC e durante o inverno pode chegar até 6ºC nos dias mais frios. A paisagem montanhosa e fria é um verdadeiro convite a dias aconchegantes em uma deliciosa pousada, acompanhado de uma boa comida e um bom vinho.

Ou quem sabe uma cerveja, já que a região serrana possui a maior concentração de cervejarias (grandes marcas e artesanais) do Brasil e Teresópolis está nesta rota cervejeira. Tem até uma cerveja produzida na cidade que chama Therezópolis.

Foto Bruna Prado (Mtur)

Como a cidade é bem pertinho da capital fluminense é ideal para fazer um bate e volta ou passar um final de semana. Para quem curte aventura, o Parque Nacional da Serra dos Órgãos tem mais de 200km de trilhas, sítios históricos e ruínas de fazendas antigas. Já para os mais boêmios, a cidade tem uma excelente gastronomia e para quem curte futebol, tem a Granja Comari

Petrópolis – RJ

Distância: 64km da capital Rio de Janeiro
Foto Wania Corredo (Mtur)
Foto Wania Corredo (Mtur)

Petrópolis fica bem próxima a Teresópolis, também na região serrana do Rio, e faz limite com o Parque Nacional da Serra dos Órgãos. A temperatura média da cidade é de 18ºC, mas no inverno pode chegar a 5ºC.

Além da rica natureza e sua paisagem montanhosa, a cidade é bastante cultural e guarda histórias da época do Imperador Dom Pedro II. Isso porque Petrópolis abriga o Museu Imperial, que exibe mobiliário de época que ficava no antigo palácio do imperador do século 19, Dom Pedro II. Além disso, a na Catedral de São Pedro de Alcântara está o mausoléu do imperador e da sua mulher.

Curitiba – PR

Foto Renato Soares (Mtur)
Foto Renato Soares (Mtur)

Curitiba é a capital do estado do Paraná, no Sul do Brasil. É também a capital mais fria do país e onde os moradores veem menos dias ensolarados ao longo do ano. Mas, apesar de ser a capital mais frio do Brasil, não neva em Curitiba. A temperatura média é de 17ºC e a mais baixa já registrada foi de -5,4ºC, mas isso foi em 1972. No inverno, a média é de 13ºC.

Uma característica de Curitiba é seu tempo nublado, justamente por receber menos dias de sol – até menos sol do que em Londres. Mas nem por isso a cidade é sem graça, pelo contrário, para quem curte um friozinho, é o lugar certo. Além disso, tem milhares de atrativos.

Foto Renato Soares (Mtur)

Entre os mais famosos atrativos estão a Torre Panorâmica, que tem um observatório em sua parte superior de onde podemos ver toda a silhueta da cidade. A Ópera de Arame e o Jardim Botânico são outros famosos atrativos. A estrutura de aço tubular da Ópera, com telhado transparente, é um enorme complexo cultural, que ainda abriga o Centro Cultural Teatro Guaíra.

Urubici – SC

Distância: 172km da capital Florianópolis
Foto Scheridon (Wikipedia)

Localizada no alto da Serra Catarinenses, Urubici é considerada uma das cidades mais frias do Brasil. A temperatura média anual da cidade é de 16ºC, mas durante o inverno atinge graus negativos. Aliás, na madrugada desta sexta (21/08/2020), Urubici registrou -8,6ºC. As árvores ficaram congeladas, teve geada e até sincelo, quando a neblina congela na vegetação.

A pequena e charmosa cidade é um reduto de elas paisagens e muitos atrativos de tirar o fôlego dos turistas. O Cânion Espraiado, por exemplo, é uma das atrações mais imponentes de Urubici e também a de mais difícil acesso. Este é só para os aventureiros. Mas, para quem prefere algo mais acessível, tem o Parque Quedas do Avencal com diversas atrações, entre elas o mirante de Vidro, que avança no abismo da Cascata. O que não falta em Urubici são cachoeiras, trilas, canyions e mirantes.

Urupema – SC

Distância: 205km da capital Florianópolis
Imagem: https://www.gruposantacatarina.com/pt/

Se Urubici é uma das cidades mais frias do Brasil, com certeza, Urupema ganha o título com facilidade. A temperatura média anual da cidade é de 7ºC, mas durante o inverno atinge graus negativos com facilidade. A temperatura mais baixa já registrada foi de -9,4ºC e até congelou uma cascata.

Também localizada no alto da Serra Catarinenses, a cidade possui poucos atrativos turísticos, porém, é repleta de paisagens estonteantes. Aliás, a cascata que congela é uma das principais atrações de Urupema. O local é acessado por uma trilha, que fica no pé do Morro das Antenas, o mais alto da cidade e que vale uma visita. Mas leve um bom casaco, a sensação térmica lá do alto pode chegar a -30ºC.

Cambará do Sul – RS

Distância: 185km da capital Porto Alegre
Foto Renato Soares (Mtur)
Foto Renato Soares (Mtur)

Cambará do Sul fica ao Sul dos Aparados da Serra, com 990 metros de altitude, no estado do Rio Grande do Sul. A temperatura média do ano é de 14ºC e no inverno também chega a registar graus negativos. Cambará do Sul foi outra cidade que, nesta semana – na quinta-feira (20/08/2020), registrou neve e sensação térmica de -8,4ºC.

A região possui o maior número de cânions do Brasil, junto com Santa Catarina. São mais de 80km de extensão com o estado vizinho. O local ainda abriga vales e rios. A grande área preservada é um dos principais atrativos da cidade, que abriga dois Parques Nacionais, onde podemos ver animais silvestres, além dos belos cenários.

Gramado – RS

Distância: 115km da capital Porto Alegre
Foto Renato Soares (Mtur)
Foto Renato Soares (Mtur)

Por fim, mas não menos importante, temos Gramado. A cidade é uma das mais famosas do Rio Grande do Sul, tanto pelo frio bem como pelos seus deliciosos chocolates. A temperatura média é de 20ºC e no inverno elas variam entre 9ºC e menos.

A cidade é uma das mais charmosas que eu conheço, isso porque, logo ao chegar já somos recebidos por uma estrada ladeada de hortênsias. Por ser uma estância turística, Gramado possui diversos atrativos. Os mais famosos são suas fábricas de chocolate, o Parque Mini Mundo e o passeio de Maria Fumaça, que faz roteiros pela cidade, Canela e Bento Gonçalves.

Ainda no inverno, a cidade se transforma para receber o Festival de Cinema. O festival reúne atores e artistas famosos para uma premiação e é mais um dos atrativos da cidade, que já é bastante procurada nesta época do ano. Outro importante evento em Gramado é o Natal Luz, o maior Natal do Brasil. Em 2019, foram mais de 400 apresentações.

 

Enfim, espero que tenham gostado e se animado a enfrentarem o frio em uma dessas cidades. E se você gosta de frio, veja estas outras matérias sobre o inverno em diversos destinos. Clique AQUI.

 

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celularalugar um carro, garante os tickets para passeios e compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo  gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveite e se inscreva em nosso canal do Youtube e no Instagram para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas.

Posts Relacionados