Caribe anuncia reabertura do turismo

Desde de junho, o Caribe está planejando a reabertura de suas fronteiras para o turismo em suas ilhas. Para o Caribe, o turismo é uma importante atividade econômica. Para toda a região, na verdade. Dos 20 territórios mais visitados do Caribe, pelo menos 13 vivem exclusivamente de turismo. E em outros sete, a atividade representa cerca de 30% da economia.

Em 2019, a região do caribe recebeu quase 30 milhões de pessoas que chagaram para fazer turismo, mas com a pandemia da Covid-19, esses números caíram drasticamente e a reabertura das fronteiras e uma esperança de salvar o ano turístico nas ilhas.

Protocolos de segurança

Até meados de junho, o Caribe somava mais de 500 mil casos de coronavírus, e os números têm se estabilizado em muitos países da região. Por isso, chegou a hora do Caribe reabrir suas fronteiras e a retomada do turismo. Porém, as atividades vêm acompanhadas de diversas e rigorosas exigências de higiene e segurança.

Para quem visita o Caribe para o turismo, será exigido o uso obrigatório de máscaras, higiene redobrada e distanciamento social. Estas serão algumas das medidas que devem ser utilizadas por todas as ilhas. Outras como Ilhas Virgens Americanas, Santa Lúcia e Porto Rico irão exigir ainda teste negativo para a Covid-19 (de no máximo 48 horas) e quarentena obrigatória de 14 para quem desembarcar nos destinos.

As Ilhas do Caribe (Caraíbas) são um enorme arquipélago localizado no mar do Caribe, subdividido em algumas regiões diferentes, compostos por 25 países independentes:

Anguilla

Imagem: caribbeanislands.com

Anguilla está oficialmente sem casos de Covid-19, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Agora, o governo local está reabrindo gradativamente suas fronteiras, que ficaram fechadas até 30 de junho para o tráfego internacional.

Anguilla é um território britânico ultramarino no Caribe Oriental, que compreende uma pequena ilha principal e várias ilhotas. Suas praias variam de longos trechos de areia até enseadas isoladas alcançadas somente por barco.

Os turistas vão adorar o clima agradável o ano todo e as opções de esportes aquáticos e resorts luxuosos.

Antígua e Barbuda

Imagem: caribbeanislands.com

Com a sua localização ao largo da costa da América do Sul e a leste-sudeste de Porto Rico, Antígua e Barbuda é um destino turístico popular. E o governo local está se preparando para reabrir suas fronteiras para o turismo, conhecido por suas praias com recifes de coral, florestas tropicais e resorts. A maioria das atrações turísticas, incluindo os melhores resorts de luxo, está localizada na ilha de Antígua. A pesca é uma das principais atividades da ilha, assim como a produção de rum.

Aruba

Aruba

As fronteiras de Aruba serão reabertas a partir deste dia 1º de julho para visitantes do Canadá e da Europa. Já os norte-americanos só poderão entrar a partir de 10 de julho. Para os sulamericanos, incluindo os brasileiros, ainda não há previsão.

A pequena ilha do Caribe holandês tem clima seco, praias ensolaradas e ondas suaves. A influência europeia aparece principalmente na arquitetura. A diversão em Aruba está totalmente voltada para o mergulho e nas belas praias, ótimas para a prática de esportes aquáticos. Já à noite, os turistas podem escolher entre os cassinos e as baladas.

Bahamas

Bahamas

As Bahamas estão se preparando para a segunda fase do Plano de Preparação e Recuperação do Turismo, que começará no dia 1º de julho de 2020. Esta nova fase permitirá a retomada das viagens internacionais às Bahamas, com exceção de visitantes da China, Irã, Itália e França.

As Bahamas são um arquipélago no Oceano Atlântico, com mais de 700 ilhas e ilhotas, muitas desabitadas e outras cheias de resorts. Águas cristalinas, areia macia, ilhas paradisíacas, muito sol, diversão e tranquilidade são algumas das coisas que os turistas encontram. Além de locais para mergulho, como a enorme Barreira de Coral de Andros, o Thunderball Grotto e os jardins de corais negros de Bimini.

Barbados

Barbados

A partir de 1º de julho, quem chegar à ilha caribenha terá que fazer uma quarentena de 14 dias. Barbados é uma ilha do Caribe Oriental e Bridgetown, a capital, é um porto de navios de cruzeiro com prédios coloniais. Ao redor da ilha ficam praias, jardins botânicos, a Caverna de Harrison e casas rurais do século XVII.

Entre as tradições locais estão o chá da tarde e o críquete, esporte nacional – ambos herdados de seus primeiros colonos ingleses. A atmosfera caribenha está no ar e na cor azul do mar. Barbados atrai muitos praticantes de esportes aquáticos, em especial surfe e snorkelling.

Cuba

Cuba

O Ministério do Turismo de Cuba anunciou que as regiões de Cayo Largo, Cayo Coco, Cayo Guillermo, Cayo Cruz e Cayo Santa María já poderão começar a receber turistas internacionais a partir do dia 1° de julho.

As praias de Cuba são de areia branca e águas cristalinas. O destino é famoso por seus campos de cultivo de tabaco, essenciais para a produção dos lendários charutos do país. A capital, Havana, está repleta de carros da década de 1950 e arquitetura espanhola colonial. A salsa é o ritmo que toca nos clubes de dança as apresentações do no famoso Tropicana são imperdíveis.

Curaçao

Curaçao

A ilha holandesa no Caribe é conhecida por seu forte apelo aos turismo, por suas praias escondidas em enseadas e seus extensos recifes de corais, ricos em vida marinha. A capital, Willemstad, tem uma arquitetura colonial e praias ocidentais como Baía Azul, um lugar bastante procurado para a prática de mergulho. Além disso, a cidade possui mais de 750 edifícios históricos.

Dominica

Imagem: caribbeanislands.com

Conhecido por suas florestas tropicais luxuriantes e clima tropical quente, Dominica é um local que oferece uma grande variedade de atividades de água e terra. Dominica é apelidada de “Ilha de natureza do Caribe” e é rodeada por uma variedade espetacular de paisagens montanhosas, fontes termais naturais e florestas tropicais. O Parque Nacional de Morne Trois Pitons abriga o lago Boiling, aquecido por um vulcão e coberto de vapor.

Grenada

The Spice Isle

Grenada é composta de várias pequenas ilhas e tem o apelido de “The Spice Isle” por causa das muitas especiarias que produz. A ilha oferece uma diversidade de atividades como cachoeiras, lagos, fortalezas, jardins floridos, mansões e destilarias de rum.

Guadalupe

Imagem: caribbeanislands.com

Localizada nas ilhas Leeward, Guadalupe tem duas ilhas principais. Basse-Terre é a capital da ilha, e a principal área turística está localizada em Grande-Terre. A ilha é um território da França, com uma mistura da cultura europeia, africana e indígena.

Haiti

Labadee

O Haiti é um estado soberano localizado na ilha de Hispaniola que compartilha com a República Dominicana, no arquipélago das Grandes Antilhas do Mar do Caribe. Port au Prince é a capital do Haiti e sua paisagem é predominantemente montanhosa. Se você realmente quiser visitar o Haiti, considere visitar Labadee, uma área de resort popular entre os turistas.

Ilhas Cayman

Ilhas Cayman

As Ilhas Cayman são um território britânico ultramarino, que abrangem três ilhas na parte oeste do Mar do Caribe. Por conta do coronavírus, o destino permanece fechado para turismo até 1º de setembro.

Grand Cayman, a maior delas, é conhecida por seus balneários e seus vários locais para mergulho. Cayman Brac é um ponto bastante procurado para excursões de pesca em alto-mar. Little Cayman, que é a menor ilha e abriga vida selvagem variada.

Ilhas Virgens Britânicas

Ilhas Virgens Britânicas

Abrangendo 4 ilhas principais e muitas outras menores, o território é conhecido por suas praias repletas de recifes e como destino para a prática de iatismo. Na maior ilha, Tortola, ficam a capital Road Town e o Parque Nacional Sage Mountain. O surfe é muito popular, em especial, as praias de Josiah e Apple Bay.

Ilhas Virgens Americanas

Imagem: caribbeanislands.com

As Ilhas Virgens Americanas foram o primeiro destino a reabrir suas fronteiras, no dia 1º de junho. Território dos EUA, elas são conhecidas pelas praias de areia branca e água azul-turquesa, pelos recifes e pelas colinas verdejantes.

As Ilhas Virgens Americanas compreendem três ilhas principais – St. Croix, St. John e St. Thomas – e 50 ilhas menores, recifes e ilhotas que fazem parte do arquipélago caribenho. Há uma grande variedade de atividades aquáticas e um rico legado cultural.

Jamaica

Jamaica

Desde o dia 15 de junho, os visitantes que entrarem na Jamaica são submetidos a triagens que incluem medição de temperatura e observação de sintomas.

A Jamaica é um país insular no Caribe com uma topografia exuberante de montanhas, florestas tropicais e praias com recifes. A Jamaica é famosa como berço da música reggae, e sua capital, Kingston, abriga um museu dedicado ao cantor Bob Marley.

O país oferece experiências únicas, atividades envolventes, paisagens de tirar o fôlego e um povo caloroso e acolhedor. Nenhum lugar no mundo oferece a variedade de atrações e a diversidade cultural que pode ser encontrada aqui.

Martinica

Imagem: caribbeanislands.com

Martinica é uma região ultramarina da França, que tem em sua cultura uma mistura distinta de influências da França e das Índias Ocidentais. Sua maior cidade é a capital Fort-de-France, com colinas íngremes, ruas estreitas e o jardim La Savane, rodeado por lojas e cafés.

Montserrat

Imagem: caribbeanislands.com

Montserrat está reabrindo de forma gradual as suas fronteiras, com muitas medidas preventivas e ainda poucos turistas. A ilha é muito pequena e lar de plantas e animais exóticos e raros. Além disso, oferece diversas atividades para relaxar, seja em terra ou no mar. Muitos visitantes são atraídos por conta do vulcão Soufriere Hills, que entrou em erupção em 1995 e destruiu a cidade de Plymouth.

Porto Rico

Ilha de Porto Rico

Porto Rico é um grupo de ilhas no Caribe, uma antiga colônia espanhola que agora é uma comunidade dos EUA. Esta ilha paradisíaca tem uma rica história cultural, proveniente da herança espanhola do arquipélago, que continua proeminente hoje de muitas formas, da arquitetura à comida, à música e ao idioma.

De um litoral de quase 300 praias de areia branca a cavernas semelhantes a labirintos e piscinas bioluminescentes. Da terra ao mar, há muito para manter os visitantes ocupados no destino.

República Dominicana

República Dominicana

A República Dominicana anunciou que reabre as fronteiras a partir de 1º de julho. É um dos países mais visitado do Caribe para o turismo, por ser um destino mais barato da região, e conhecida por suas praias, resorts e golfe.

Suas paisagens compreendem floresta tropical, savana e montanhas. O Pico Duarte é a montanha mais alta do Caribe. Seus mais de 1,5 mil quilômetros de costa oferecem uma ampla variedade de praias e atividades. Além disso, o país tem temperaturas altas o ano inteiro, uma enorme oferta de complexos hoteleiros e serviços turísticos.

Santa Lucia

Imagem: caribbeanislands.com

Os primeiros voos em Santa Lucia a partir dos Estados Unidos – via American Airlines e Delta Airlines – estão programados para serem retomados apenas em julho. A ilha é pouco conhecida, mas tem paisagens de tirar o fôlego.

Santa Lúcia é uma nação insular no leste do Caribe com um par de montanhas cônicas, os Pitons, na costa oeste. No litoral, há praias vulcânicas, locais para mergulho em recifes, resorts luxuosos e vilarejos de pescadores. A ilha é ideal para quem procura por praias tranquilas de águas cristalinas e refúgios românticos de luxo.

St. Maarten e St. Martin

St. Martin

A data provisória de reabertura aos turistas estrangeiros está programada para 1º de julho. St. Maarten e St. Martin são uma ilha dividida em dois países independentes, o lado norte francês, denominado St. Martin, e o lado sul holandês, St. Maarten. A ilha tem praias para todos os gostos para curtir o sol e o calor, ou dar um mergulho no mar de águas verdes e cristalinas.

As paisagens naturais incluem lagoas, praias e desertos de sal. A capital, Philipsburg, tem ruas de paralelepípedos e construções coloridas de estilo colonial e o porto é um famoso ponto de parada de navios de cruzeiro.

St. Barths

Imagem: caribbeanislands.com

As fronteiras do país foram reabertas no último dia 22 de junho para a retomada das atividades turísticas. Considerada a ilha mais luxuosa (e provavelmente a mais cara) do Caribe, é famosa pelas praias de areias brancas e pelas lojas de grife.

A capital, Gustávia, que cerca um porto repleto de iates, tem restaurantes finos e atrações históricas, como a Wall House, com exposições que destacam a era colonial sueca da ilha. As praias são as principais atrações da ilha e tem para todos os gostos.

São Cristóvão e Nevis

Imagem: caribbeanislands.com

São Cristóvão e Nevis é um estado independente dentro da Comunidade Britânica do Caribe e pouco conhecido para o turismo. As duas ilhas têm formação vulcânica e o pico mais alto é Mount Liamuiga com 1156 metros de altura. Sua capital é Basseterre, com praias de areia brancas e pretas, montanhas verdejantes e águas mornas. Entre as atrações estão os antigos fortes britânicos, que preenchem a paisagem e contam um pouco da história desse destino.

São Vicente e Granadinas

Imagem: caribbeanislands.com

São Vicente e Granadinas é um conglomerado de ilhas. A ilha principal é São Vicente e abriga a capital Kingstown. E as Granadinas são uma cadeia de 32 ilhas menores. A região é cheia de ilhas privadas e paisagens vulcânicas, portos cheios de iates e competições de velas.

Trinidad e Tobago

Imagem: caribbeanislands.com

Trindad e Tobago é uma nação caribenha composta por duas ilhas, perto da Venezuela. A ilha de Trindad é a maior e conhecida pelas atividades de ecoturismo e pelas noites agitadas. Sua capital é Port of Spain, famosa pelo seu Carnaval.

A ilha menor de Tobago é conhecida pelas praias e pela reserva florestal Tobago Main Ridge Forest Reserve. O turismo é mais consolidado nesta ilha, que é famosa pelas suas praias paradisíacas e suas cachoeiras.

Turks & Caicos

Turks & Caicos

O destino permanece fechado até 31 de agosto, mas a partir de 22 de julho retoma os voos dos Estados Unidos, Canadá e Europa. As ilhas são um arquipélago de 40 ilhas baixas de corais no Oceano Atlântico. A ilha abriga a praia Grace Bay Beach, com luxuosos resorts, lojas e restaurantes. Entre os locais de mergulho, estão uma barreira de coral de 14 milhas na costa norte de Provo e uma impressionante muralha subaquática de 2.134 m perto da ilha Grand Turca.

 

Veja outras matérias do Caribe publicados no EPM neste LINK.

 

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celularalugar um carro, garante os tickets para passeios e compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo  gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveite e se inscreva em nosso canal do Youtube e no Instagram para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas.

CRITÉRIONOTA
Criterio 15
Criterio 23
NOTA FINAL7

Posts Relacionados