Dicas de como transportar cachorros nas viagens

Como transportar seu pet da maneira adequada?

Quem tem pet em casa sabe o drama que é quando decidimos viajar. Ao mesmo tempo, transportar os cachorros dá um trabalho. Levar ou não os cachorros junto? Como transportar os cachorros da maneira adequada e segura na viagem? Melhor deixar em um hotel de animais?

De acordo com dados divulgados pelo IBGE em 2019, atualmente, existem 193,3 milhões de animais de estimação no Brasil. E quase metade desse pessoal têm por hábito viajar e transportar seus pets junto. Mas como transportar seu cachorro da maneira adequada nas viagens?

Assim sendo, é importante saber quais cuidados devem ser tomados para levar os bichinhos nos transportes, seja de carro pela cidade e especialmente em viagens mais longas. Lembrando que as dicas valem para cachorros e outros pets também.

Veja abaixo os cuidados para transportar seu pet de maneira segura e adequada:

Segurança

Para transportar os cachorros e outros animais há que se levar em consideração a segurança deles. Para isso, existem regras, como por exemplo, é preciso que eles sejam transportados em cadeirinhas, cinto de segurança e as caixas de transporte.

O cachorro pode usar os três tipos, e nunca deve ser transportado solto na carroceria de caminhonetes. Já para os gatos e outros animais como répteis e aves, a recomendação é usar caixas de transporte específicas para eles.

Você sabia que existe até seguro viagem para os pets? Sim, algumas empresas estão investindo no seguro para os animais que viajam com seus donos e para aqueles que ficam com seus tutores.

Vacina

Para realizar o transporte intermunicipal dos animais de estimação é preciso levar um laudo do veterinário contendo as vacinas que o ele tomou. O mesmo se aplica para viagens de avião, quando é obrigatória a apresentação do atestado de saúde e comprovante de vacinação do animal.

Os pets devem estar com a vacinação e documentação em dia para viajar

Alimentação

O jejum do animal é uma dica de prevenção para uma viagem sem surpresas. Isso porque os pets podem enjoar e até vomitarem. O ideal é que os pets estejam em jejum de duas horas antes de iniciarem a viagem.

Em trajetos maiores é recomendado fazer pequenas paradas a cada 2 horas, para que o animal possa tomar um pouco de água e fazer suas necessidades.

Bem-estar

O bem-estar dos animais deve estar acima de qualquer coisa. Uma boa dica é saber se seu animal irá gostar da viagem, se ele tiver um perfil mais caseiro e tímido, talvez não seja ideal viajar com ele. Animais ansiosos e agitados também poderão dar trabalho aos donos.

Portanto, o ideal é identificar o perfil de seu animalzinho antes de viajar com ele. Agora se ele já está acostumado e adora, aproveite!

Outra dica importante para a viagem ser agradável para o pet é o cuidado com a temperatura elevada durante os percursos. Se estiver de carro, deixe sempre o ar condicionado ligado, isso evita indisposição durante o trajeto.

O bem-estar dos animais é super importante

CARRO

O Detran.SP indica que a legislação impede apenas o transporte de animais à esquerda ou no colo do motorista, e também na parte externa do veículo. Vale também a regra para que ele não viaje com a cabeça fora da janela, o que pode trazer riscos à segurança dos ocupantes do veículo e multa ao motorista.

Estas são práticas irregulares podem ser médias ou graves e receber multas que variam de R$ 130 a R$ 195, aproximadamente.

Entretanto, a recomendação é que eles sejam sempre transportados no banco de trás, com uma cadeirinha específica, para os pequenos, e um cinto, para os grandes. Esses acessórios são encontrados em lojas de acessórios para pets, em geral.

Fazer pequenas paradas é essencial para que os animais possam beber água e fazer suas necessidades. Antes de mais nada, nunca deixe seu pet trancado no carro. Os animais podem ficar sem oxigenação e podendo ir a óbito. Ninguém quer isso!

ÔNIBUS

Antes de mais nada é importante consultar a empresa de ônibus para saber quais as regras para o transporte de animais. Cada companhia tem sua regra de transporte de pet, portanto, verifique com antecedência.

Para viajar de ônibus, é necessário apresentar atestado que comprove as boas condições de saúde do bichinho. O animal não pode ficar solto a bordo e seu dono deverá pagar uma passagem extra para acomodá-lo ao seu lado.

Vale ressaltar que para usuários de cão-guia não é necessário pagar pelo transporte.

AVIÃO

Para viagens aéreas, o transporte de animais é cobrado à parte e o dono precisa reservar a passagem com antecedência, pois muitos voos limitam o número de animais a serem transportados.

As companhias aéreas também possuem regulamento próprio para o transporte, sendo preciso consultá-los antes de comprar as passagens. E há ainda uma cartilha de bagagem da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), na qual que consta orientação para o transporte de animais.

Além disso, é obrigatória a apresentação do atestado de saúde e comprovante de vacinação do animal. Além de uma caixa de transporte. Em viagens internacionais, o bichinho deve passar por uma consulta com um veterinário do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

O dono também precisa obter informações sobre as regras federais do país de destino para evitar qualquer problema na hora do desembarque.

Delta é pioneira no setor ao lançar uma solução inovadora para as viagens dos animais de estimação

Além disso, tem companhia aérea investindo em atendimento VIP para os pets. Com serviços inovadores de segurança e cuidados dignos de primeira classe. A conferir!

 

Confira AQUI neste link outras dicas para viajar com os pets.

 

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celular, aluga um carro, garante os tickets para passeios ou compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveita e se inscreve no meu canal do Youtube e no meu Instagram para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas!

Deixe o seu comentário

Posts Relacionados