Greve na França cancela voos e afeta trens para Versailles

Turistas com viagem marcada para a França nos próximos meses poderão ser afetados pela ampla greve marcada para acontecer em todo país em abril, maio e junho. Tudo indica que será a maior paralisação dos últimos anos contra as reformas do serviço público encabeçadas pelo presidente Emmanuel Macron. Dentre as medidas adotadas pelo dirigente francês, estão o corte de 120 mil vagas no funcionalismo público até 2022 através de um programa de demissão voluntária e mudanças na estatal ferroviária, a SNFC, que extinguirá benefícios como empregos vitalícios, reajuste anual de salário e aposentadoria antecipada.

De acordo com o portal The Local, nesta quinta-feira (22) grande parte dos serviços de trens foi interrompido e somente 40% dos trens de alta velocidade operaram suas rotas. O percentual foi ainda menor na circulação de trens interurbanos: 25% dos comboios operaram. O tráfego de trens regionais foi reduzido em 50%. Metrôs e ônibus municipais funcionam normalmente.

Controladores de voos também aderiram à greve, o que obrigou aéreas como a Air France a cancelarem voos nessa quinta-feira. A greve também afeta o funcionamento de algumas escolas e creches do país pela impossibilidade de funcionários chegarem ao trabalho. O governo afirmou que não voltará atrás com as reformas.

Mais greves da companhia ferroviária SNFC estão previstas para acontecer a partir de abril, a cada dois dias, com três dias de pausa. Serão 36 dias de paralisação no total, como é possível ver nas datas em azul no calendário abaixo.

Recomenda-se aos turistas com viagem marcada para a França entre abril e junho checarem o funcionamento dos trens, que poderão sofrer atrasos ou nem funcionar nos dias de greve. Passeios até Versailles e Disneyland poderão ser afetados. No caso de voos, além de confirmar as saídas com antecedência é fundamental sair do hotel bem antes. O site Conexão Paris publicou as maneiras de ir ao Charles de Gaulle e ao Orly de ônibus. Para ir até Versailles de ônibus, o site recomenda pegar a linha 9 do metrô, descer em Pont de Sèvres e pegar o ônibus 171 que para em frente ao castelo. Os ônibus da Magic Shuttle levam até a Disneyland e partem tanto dos aeroportos quanto de diversos hotéis da cidade. 

Fica a dica para os viajantes com viagem marcada!

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celular, alugar um carro, garante os tickets para passeios e compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará me ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo  gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveita e se inscreve no meu canal do Youtube e no meu Instagram para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas.

Deixe o seu comentário

Posts Relacionados