ONDE COMER EM PARIS? – DICAS IMPERDÍVEIS PARA TODOS OS BOLSOS!!

Paris é o berço da gastronomia mundial! É de lá que vem a maioria das técnicas e nomenclaturas utilizadas na cozinha, como conhecemos hoje. O que pouca gente sabe é que comer na cidade luz não é tão caro quanto se pensa. Existem opções democráticas para todos os bolsos e gostos.

Você pode, por exemplo, comer um crepe de Nutella apreciando a vista da Torre Eiffel por 5 euros. Ou um típico Soufflé au Fromage (suflê de queijo), clássico francês em um restaurante charmoso frequentado apenas por locais. Comida de rua e restaurantes badalados estão espalhados por todos os cantos da cidade. É por isso que nesse post vou mostrar pra você algumas opções bem bacanas e dicas valiosas para uma experiência gastronômica prazerosa na cidade luz.

No Brasil, nós temos a cultura dos menus executivos. A maioria dos restaurantes oferecem entrada + prato principal + sobremesa por um valor fixo, geralmente entre 30 e 50 reais. Dessa forma é possível conhecermos bons restaurantes, pagando um valor acessível. Em Paris não é diferente. Lá, eles oferecem o “Formule du Jour”, ou “Menu do Dia”. A combinação é de entrada + prato principal OU prato principal + sobremesa, variando entre 10 e 15 euros por uma refeição super agradável e saborosa.

Para um lanche saboroso depois de andar muito pela cidade, que tal um croissant da famosa Patisserie e Boulangerie PAUL espalhada pelos quatro cantos da cidade? Eu comi um delicioso croissant, crocante e macio após visitar o Museu du Louvre. Tudo isso aproveitando a vista de outono do Jardin de Tuilleries que fica ao lado, por apenas 1 euro.

Endereço:

Em frente ao Museu do Louvre, no Jardin de Tuilleries.

Preço:

$ de $$$

Para o almoço, existem muitas opções na cidade, inclusive aqueles lugares “pega turistas”. Nessas opções, quase sempre não oferecem coisas tão surpreendentes assim e ainda cobram caro. Nesse dia, tive a oportunidade de conhecer um restaurante chamado Auberge Bressane. Ele é frequentado quase que exclusivamente por parisienses, executivos e pessoas mais velhas.

O lugar, com uma ambientação medieval, não oferecia WiFi para os clientes. Talvez para que a refeição tivesse atenção exclusiva?. Neste dia, encontrei com minha amiga Izabel que é casada com um francês e que sempre que está em Paris. Fomos nesse restaurante para comer uma massa com cogumelos Morilles, espécie bem cara aqui no Brasil.

Para compartilhar, pedimos Talharim aux Morilles  + Souflé au Fromage + Salade.

O souflé com queijo gruyère estava divino, fofinho e muito saboroso. A salada de folhas verdes deu um toque de frescor, acentuando ainda mais o gosto do queijo.

O sabor da massa era inexplicável. Al dente, na manteiga com um cogumelo de sabor extraordinário. Diferente de todos os cogumelos que geralmente comemos no Brasil.

Os preços do cardápio eram medianos e valiam muito o tamanho das porções e a qualidade dos ingredientes utilizados. Nota 10.

Por esse menu para 2 pessoas + água, nós pagamos um total de 60 euros. Valeu super à pena.

Endereço: 

16, av de la Motte-Piquet, 75007 Paris – Tél: 01 47 05 98 37.
 
Preço: $$ de $$$
 
Após tirar muitas fotos no Trocadèro com a Torre Eiffel de fundo, que tal fazer um lanche contemplando a vista mais famosa de Paris? Depois das baguettes e croissants, nada representa tão bem a comida de rua parisiense como um bom crepe. Os sabores são diversos, tanto doces quantos salgados. O mais famoso sem dúvida é o de Nutella. O preço? À preço de banana (hehehe), apenas 5 euros.

Endereço:

Ao lado do carrossel, em frente à Torre Eiffel.

Preço:

$ de $$$

Para os amantes da confeitaria, ir pra Paris é uma ótima oportunidade para provar o tão famoso e delicioso Macaron. Uma espécie de biscoito crocante por fora e macio por dentro, à base de farinha de amêndoas, com um recheio cremoso no meio. Já é bastante encontrado aqui no Brasil em lojas como a da francesa Ladurèe. Mas que tal provar o melhor macaron de Paris? Isso mesmo. Não deixem de ir na loja do confeiteiro Pierre Hermé, no subsolo da Galerias Lafayette.

O macaron do Pierre Hermé vale cada euro pago. Ele segue a regra a risca, crocante por fora, úmido e macio por dentro. E ainda possui o diferencial de ter sabores que fogem dos tradicionais. É, sem dúvidas, parada obrigatória! Muito difícil escolher um sabor entre tantas opções, mas eu queria provar os mais diferentes. Uma das minhas escolhas foi o de foie gras (fígado de ganso) e o de água de rosas. A unidade custou 4 euros.

Endereço:

Subsolo Galerias Lafayette  35 Boulevard Haussmann, 75009 Paris, França

Preço:

$$ de $$$

Para encerrar esse post, eu não poderia deixar de falar sobre uma das experiências mais incríveis que eu tive em Paris. Um jantar com meu amigo francês Dominique, em um dos mais antigos restaurantes da cidade, o Bouilon Chartier. Ele tem nada menos que 100 anos de existência. O restaurante fica escondido dentro de um pequeno prédio da rue du Faubourg Montmartre. Construído no final do século XIX, classificado como monumento histórico, serve o mesmo cardápio desde a inauguração. O Chartier guarda características de uma Paris que desapareceu há muito tempo.

No menu, os clássicos franceses apresentados de forma simples mas muito forte em sabor, do jeito que os franceses gostam com preços super em conta.

Bela decoração, garçons com aventais longos brancos, toalhas simples nas mesas, pedidos anotados no folha de papel que protege a toalha. A clientela é composta de parisienses e muitos turistas em busca da verdadeira Paris de antigamente. 

De entrada, pedi um patê campagne, feito com fígado, especiarias e conhaque, acompanhado de pães. 

Para o prato principal, o clássico Filé au Poivre acompanhado de batatas fritas.

De sobremesa, não poderia deixar de experimentar a clássica mousse au chocolat (mousse de chocolate). Estava super aerada e doce no ponto certo. 

Uma dica bem importante, não só sobre o Chartier mas sobre todos os restaurantes em Paris: o vinho da casa! Geralmente oferecido para os clientes, é de super boa qualidade e muito mais barato que os vinhos engarrafados. Eles são produzidos por pequenos produtores e, por não gastarem com rotulagem, conseguem vendê-lo com preço bom. Vale experimentar!!

Endereço:

7 rue du Faubourg Montmartre, 75009 Paris.

Preço:

$$ de $$$

E aí viajantes, gostaram das dicas? Fiquem ligados que no próximo post darei dicas dos meus lugares prediletos na cidade.

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celular, alugar um carro, garante os tickets para passeios e compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará me ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo  gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveita e se inscreve no meu canal do Youtube e no meu Instagram para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas.

Deixe o seu comentário

Posts Relacionados