Rosé – Conheça o mais versátil dos vinhos

Em outros posts, já falamos sobre espumantes, vinhos tintos e vinhos brancos. A atenção especial de hoje, portanto, vai para os vinhos rosés (ou rosados), que também são apreciados e sofisticados.

A coloração do vinho rosé está entre o vinho tinto e o branco, podendo variar entre laranja pálido e púrpura vívido – dependendo das uvas e da técnica de fermentação.

O vinho rosé não é muito popular na América Latina, mas em alguns países da Europa, principalmente França, Espanha, Itália e Portugal, é consumido em larga escala, especialmente nos meses quentes do ano.

Foto: Slack12/Flickr
Foto: Slack12/Flickr

As uvas utilizadas são pretas ou tintas e o início do processo de produção é o mesmo do vinho tinto. A diferença se dá na maceração, que dura menos quando se trata da produção de vinho rosé, de forma que a bebida adquira um leve toque rosado. Sendo assim, as cascas da uva são logo retiradas, por serem responsáveis pela coloração – quanto mais tempo o mosto (sumo da uva) fica em contato com a casca, mais intensa é sua cor.

A maceração, no caso do vinho rosé, dura de três a 24 horas, dependendo da coloração desejada pelo enólogo. Depois de separado de suas partes sólidas, o mosto é encaminhado para a fermentação, seguindo, a partir daí, o mesmo processo pelo qual passa o vinho branco.

Foto: Helle V Fisher/Flickr
Foto: Helle V Fisher/Flickr

Há também um outro método de produção do vinho rosé, que consiste na criteriosa junção do vinho tinto com o vinho branco já elaborados separadamente, a fim de obter a coloração exata. Este método é chamado “corte de vinhos tintos e brancos” e permite controle detalhado do resultado final.

Com características delicadas de vinho branco, mas sabor próximo ao de vinho tinto, o vinho rosé pode muito bem acompanhar pratos mais estruturados, que não seriam bem acompanhados pelo vinho branco, por exemplo, que é essencialmente leve.

No Uva Bar, há uma variedade de vinhos rosados (além de brancos, tintos e espumantes, é claro), que podem ser encontrados a partir de R$ 60,00. Vale a pena conferir!

Foto: Magna Casta/Flickr
Foto: Magna Casta/Flickr

Lembrando que toda vez que você reserva seu hotel, contrata o seguro viagem, compra um chip de celular, alugar um carro, garante os tickets para passeios e compra suas passagens aéreas pelos links aqui do blog, você estará me ajudando que todo conteúdo desse blog continue sendo  gratuito e que eu possa continuar levando esse projeto a todos os viajantes!

Aproveita e se inscreve no meu canal do Youtube e no meu Instagram para ficar sabendo de mais dicas e novidades sobre viagens além de reviews de companhias aéreas.

Deixe o seu comentário

Posts Relacionados