Como visitar vinícolas em Mendoza sozinho

Esse post faz parte de um especial completo com muitas dicas de Mendoza!

Vinícolas em Mendoza é como Torre Eiffel em Paris! Mendoza me surpreendeu desde meu primeiro dia por lá, pois achei a cidade super bonita. Mas claro que visitar Mendoza é sinônimo de (muito) vinho sim! Mas uma coisa que me perguntei antes de chegar lá era exatamente COMO eu iria visitar tantas vinícolas em Mendoza (são mais de mil!) sendo que não tinha carro e não havia contrato ainda um tour privado. Seria possível? Seria mais barato? Seria difícil? Conto tudo rapidinho neste post!

Vinícolas em Mendoza 6

As vinícolas em Mendoza estão basicamente divididas em 3 regiões: Luján de Cuyu, Maipú e Valle de Uco. Decidimos ir até Maipú por conta própria a convite da bodega Trivento (uma tradicional vinícola do grupo Concha y Toro).

Aproveite pra reservar seu hotel em Mendoza aqui pelo blog e ajude-nos e continuar produzindo conteúdo gratuito para os viajantes! Clique AQUI!

QUANDO IR?
Como íamos apenas visitar a bodega Trivento, decidimos fazer o passeio no final do dia. Porém, se você quiser aproveitar bem o passeio, pode aproveitar pra ir por volta das 11 da manhã e visitar a Bodega Lopez (super tradicional) e a Concepto Oliva, uma fábrica de azeite de oliva também bem conhecida na região.

COMO CHEGAR?
Do nosso hotel Sheraton, caminhamos um pouco e tomamos um “metro transvia” (uma espécie de tram) que passava constante mente pelo centro e nos levaria até Maipú. O valor foi de 6 pesos cada trecho + 10 pesos pelo cartão recarregável que compramos em um quiosque.
Após 20 minutos, desça na estação “Gutierrez” e você pode ir caminhando até o centro ou perguntar no centro de informações (que fica na própria estação) sobre como ir ao centro ou mesmo pegar um mapa da região para facilitar essa e outras visitas de vinícolas em Mendoza.
Você pode, então, pegar um ônibus que após umas 8 quadras irá te deixar em frente a uma parada de remis (uma espécie de taxi). De lá até a bodega Tridente gastamos apenas 50 pesos. Você pode também ligar e reservar seu remis para que ele te pegue na estação. O telefone está aqui (sou desses que ajuda os viajantes MESMO) Tel: 4813000 !

COMO É A VISITA?
Chegando na Bodega Trivento, fomos recebidos por um guia que fala português, o Gustavo (super divertido!) e começamos então nosso tour por uma das mais famosas vinícolas em Mendoza que também é conhecida como uma das 5 melhores do país.

Vinícolas em Mendoza 3
Visitamos todas a áreas, tanto internas e externas, de produção e depois pudemos degustar vários tipos de vinho. Foram 3 vinhos e um espumante. Ganhei uma garrafa de espumante que ainda não tomei (estou guardando para comemorar o dia em que terminar todos os posts sobre a Argentina!)  hahahah.

Vinícolas em Mendoza 4  Vinícolas em Mendoza 9 Vinícolas em Mendoza 5
HORÁRIOS E VALORES DE VISITA AS VINÍCOLAS EM MENDOZA:

Está aí uma coisa que MUITOS viajantes esquecem: RESERVAR! Sim, muitas vinícolas pedem que você reserve antes de aparecer por lá. Então pegue seu bloquinho do viajante e anote aqui algumas informações bem úteis:

Bodega Lopez: de segunda à sexta às 11:00 horas e custa 150 pesos

Bodega Trivento: de quarta a sexta às 10:00, 12:00 e 15:30 horas e também aos sábados das 10:00 às 12:00 e custa 120 pesos.

Vinícolas em Mendoza 7Lembrando que alugar um carro pode ser legal, MAS cuidado com as degustações + volante! A Thais, do Guia Mundo Afora também fez um post cheio de dicas legais sobre vinícolas em Mendoza. Basta clicar aqui!

MAIS DICAS DE MENDOZA AQUI EMBAIXO! 🙂

 

RESERVE AQUI SEU HOTEL PARA MENDOZA!