Quando a gente volta pra casa.

Após voltar pra casa, passei a pensar muito diferente… Nestes últimos 6 meses, muitas coisas boas rolaram, mas também tive momentos difíceis, escolhas, decisões, obstáculos, e sempre que me deparava com essas situações, sempre surgia uma pergunta “e se eu estivesse no Canada ? “. Pode até parecer uma fuga, ou uma justificativa que lá tudo seria diferente, mas a verdade é que tudo que passou não volta mais.

Voltar para casa foi muito bom! Mas ter deixado uma vida lá ainda mexe comigo. Parece que foi ontem que embarquei pra Toronto, às vezes sinto como se ainda estivesse por lá, sinto falta até de andar de ônibus e metro, e do famoso metropass, também me pego pensando e sonhando com cada detalhe desta experiência, quando vejo foto e vídeos então… aí o coração aperta de um jeito inexplicável.

cn-tower1-710x270

Quando a gente volta pra casa, fica uma sensação de dever cumprido, de realização, de felicidade, parece um filme da sua vida… Mas em noites de saudade, meu maior desejo é largar tudo e embarcar no próximo avião.

Porém, do que adiantar viver tudo outra vez, se nada será como antes?! É preciso enxergar os ciclos da vida e entender que tudo tem um começo, meio e fim. Confesso, que demorei a entender isso rs, e acho que todo viajante sempre pensa em voltar para os melhores lugares que passou. Felizmente o bom da vida é saber que sempre podemos recomeçar, e viajar de novo, e de novo e de novo!

Quando a gente volta, se sente perdido e confuso, mas logo a gente se encontra e entende que tudo durou o tempo necessário para se tornar inesquecível.

guia-do-viajante

Toronto do jeitinho que foi, será só lembrança, mas quem disse que NOVOS lugares, pessoas, desafios, histórias não são legais?! Por isso, é sempre bom voltar pra casa com as malas repletas de momentos, emoções, fotos e histórias…

E o melhor ainda, poder desfazê-las e arrumá-las novamente. Que venham as próximas viagens… Porque quando a gente volta, a gente se transforma.

 

Por: Juliana Gomes.

Posts Relacionados